quinta-feira, 8 de outubro de 2015

O Sintoma

Mente e corpo formam um sistema único... Desconheço a autoria do texto, mas acredito fielmente nestas palavras.Uma excelente leitura!

"Olá, tenho muitos nomes: dor de joelho, abscesso, dor de estômago, reumatismo, asma, mucosidade, gripe, dor nas costas, ciática, câncer, depressão, enxaqueca, tosse, dor de garganta, insuficiência renal, diabetes, hemorroidas e a lista continua. Ofereci-me como voluntário para o pior trabalho: ser o portador de notícias pouco agradáveis para você.Você não entende, ninguém me compreende. Você acha que eu quero lhe incomodar, estragar os seus planos de vida, todo mundo pensa que desejo atrapalhar, fazer o mal, limitar vocês. E não é assim, isso seria um absurdo. Eu o sintoma, simplesmente estou tentando lhe falar numa linguagem que você entenda.
Vamos ver, me diga alguma coisa. Você negociaria com terroristas, batendo na porta com uma flor na mão e vestindo uma camiseta com o símbolo da “paz” impresso nas costas? Não, certo?
Então, por que você não entende que eu, o sintoma não posso ser “sutil” e “levinho” quando preciso lhe passar uma mensagem. Me bate, me odeia, reclama de mim para todas as pessoas, reclama de minha presença no seu corpo mas, não para um minuto para pensar e raciocinar e tentar compreender o motivo de minha presença no seu corpo.
Apenas escuto você dizer: “Cala-te”, “vá embora”, “te odeio”, “maldita a hora que apareces-te”, e muitas frases que me tornam impotente para lhe fazer entender mas, devo me manter firme e constante, porque devo lhe fazer entender a mensagem.
O que você faz? Manda-me dormir com remédios. Manda-me calar com sedativos, me suplica para desaparecer com anti-inflamatórios, quer me apagar com quimioterapia. Tenta dia após dia, me calar. E me surpreendo de ver que às vezes, até prefere consultar bruxas e adivinhos para de forma “mágica” me fazer sumir do seu corpo.
A minha única intenção é lhe passar uma mensagem, mesmo assim, você me ignora totalmente.
Imagine que sou a sirene do Titanic, aquela que tenta de mil maneiras avisar que tem um iceberg na frente e você vai bater com ele e afundar. Toco e toco durante horas, semanas, meses, durante anos, tentando salvar sua vida, e você reclama que não deixo você dormir, que não deixo você caminhar, que não deixo você trabalhar, ainda assim continua sem me ouvir…
Está compreendendo?
Para você, eu o sintoma, sou “A doença”.Que absurdo! Não confunda as coisas.Aí você vai ao médico e paga por tantas consultas.Gasta um dinheiro que não tem em medicamentos e só para me calar.Eu não sou a doença, sou o sintoma.
Por que me cala, quando sou o único alarme que está tentando lhe salvar?
A doença “é você”, é “o seu estilo de vida”, são “as suas emoções contidas”, isso que é a doença e nenhum médico aqui no planeta terra sabe como as combater, a única coisa que eles fazem é me atacar, ou seja, combater o sintoma, me calar, me silenciar, me fazer desaparecer. Tornar-me invisível para você não me enxergar.
É bom se você se sentir incomodado por estar lendo isso, deve ser algo assim como um “golpe na sua inteligência”. Está certo se estiver se sentindo frustrado, mas eu posso conduzir o teu processo muito bem e o entendo. De fato, isso faz parte do meu trabalho, não precisa se preocupar. A boa notícia é que depende de você não precisar mais de mim, depende totalmente de você analisar o que tento lhe dizer, o que tento prevenir.
Quando eu, “o sintoma” apareço na sua vida, não é para lhe cumprimentar, é para lhe avisar que uma emoção contida no seu corpo, deve ser analisada e resolvida para não ficar doente. Deveria se perguntar a si mesmo: “por que apareceu esse sintoma na minha vida”, “que pretende me alertar”? Por que está aparecendo esse sintoma agora?Que devo mudar em mim?Se você deixar essas perguntas apenas para sua mente, as respostas não vão levar você além do que já vem acontecendo há anos. Deve perguntar também ao seu inconsciente, ao seu coração, às suas emoções.
Por favor, quando eu aparecer no seu corpo, antes de procurar um médico para me adormecer, analise o que tento lhe dizer, verdadeiramente, por uma vez na vida, gostaria que o meu excelente trabalho fosse reconhecido e, quanto mais rápido tomar consciência do porquê do aparecimento no seu corpo, mais rápido irei embora.
Aos poucos descobrirá que quanto melhor analisar, menos lhe visitarei. Garanto a você que chegará o dia que não me verá nem me sentirá mais. Conforme atingir esse equilíbrio e perfeição como “analisador” de sua vida, de suas emoções, de suas reações, de sua coerência, não precisará mais consultar um médico ou comprar remédios.Por favor, me deixe sem trabalho.Ou você acha que eu gosto do que eu faço?
Convido você para refletir sobre o motivo de minha visita, cada vez que eu apareça.Deixe de me mostrar para os seus amigos e sua família como se eu fosse um troféu.Estou farto que você diga:“Então, continuo com diabetes, sou diabético”.“Não suporto mais a dor no joelho, não consigo caminhar”.“Aqui estou eu, sempre com enxaqueca”.Você acha que eu sou um tesouro do qual não pretende se desapegar jamais.
Meu trabalho é vergonhoso e você deveria sentir vergonha de tanto me elogiar na frente dos outros. Toda vez que isso acontece você na verdade, está dizendo: “Olhem que fraco sou, não consigo analisar, nem compreender o meu próprio corpo, as minhas emoções, não vivo coerentemente, reparem, reparem!”.
Por favor, tome consciência, reflita e aja.Quanto antes o fizer, mais cedo partirei de sua vida!Atenciosamente,O sintoma.”
Autor desconhecido

quinta-feira, 24 de setembro de 2015

Extrema Urgência

A questão toda é a pressa.

Acredito que todos nós precisamos ser felizes, sem ressalvas, sem "e se". A felicidade não é um sonho impossível de se realizar.
O que não dá é pra ficar adiando todas as possibilidades de ser feliz pra um futuro distante. Aquele dia inexato que ninguém sabe qual é e nem mesmo se vai chegar. É o chamado "quem sabe um dia".

Felicidade requer urgência.
Requer ter o controle da própria vida e não ficar paralisado
por motivos que podem até mesmo ser desconhecidos.

Corre! Dirige a própria vida! Luta pra realizar teus sonhos! 
Ah você não tem sonhos? Como assim?
Esta vivendo pelo que então?
Tá experimentando como é morrer em vida? Quer virar um zumbi?
Não dá pra viver uma vida morna pra sempre, aquela coisa "mais ou menos". Quer dizer... até dá! Mas se você tem opção, vai escolher passar a vida inteira sobrevivendo ou vai optar por sentir seu coração vibrar?

O que será que te limita?
"Agora eu não posso."
"Eu não consigo."
"Eu tenho medo."
"Talvez daqui mais um tempo."
"Felicidade não é pra mim."
"Eu não mereço."

Quais os benefícios que esses pensamentos trazem? Será que não existe uma outra forma de conseguir esses mesmos benefícios sem ficar se limitando desta forma? Se existisse uma outra forma, como ela seria?

Sabe o que eu acho que falta as vezes? Permitir que o desejo de ser melhor tome conta da gente. Desejar desesperadamente e não aceitar ser menos que totalmente feliz.
Mas isso tem que ser agora!
Felicidade requer pressa.
Não dá pra desperdiçar a única coisa que temos limitado. Sim, estou falando do nosso tempo...

Pare agora mesmo tudo que você está fazendo que te impede de ser feliz.
Medo todo mundo tem. Vai com medo mesmo!

Mas vai de uma vez, pois tempo não para enquanto a gente fica pensando no que fazer...

quarta-feira, 19 de agosto de 2015

O lindo percurso

Será que existe alguém que não sinta um grande prazer em viajar?
Existem tantas maneiras de viajar, tantos lugares pra serem descobertos.
Sejam eles dentro ou fora de nós.
O mundo é imenso, mas acredito que a imensidão dentro de nós mesmos seja ainda maior...
Comecei a me dar conta da maneira que tenho conduzido minhas viagens. Todas elas.
Eu programo tudo que vou fazer quando chegar: o que irei fazer, coisas que quero ver, pessoas que estarão ao meu lado.
É tão bom planejar a vida! É tão bom sonhar e desejar estar em lugares que nos trazem alegrias com pessoas que nos deixam ainda mais felizes.
Mas não tem bastado. 
Não raras são a vezes em que a angústia contamina a felicidade e essa viagem, seja dentro ou fora de mim, acaba sofrendo contratempos.
E me volto a tentar entender os motivos, pois acredito que apenas encontrando as razões de nossas amarras vamos conseguir  resolver o que quer que seja e ter serenidade pra trilhar nosso caminho.
Em uma conversa com um grande amigo motociclista, perguntei o mais atraía ele nas aventuras de moto. Ele, com muito brilho no olhar e com expressão de quem realmente é apaixonado por isso, me responde: o que me fascina é o vento no rosto, é o frio na barriga, é sentir como se a estrada e ele fossem uma coisa única.
E eis acende a luz que eu precisava pra seguir minha viagem em paz! 
Curtir a paisagem, sentir o vento no rosto, aproveitar de todas as formas o percurso.
E o destino? Vamos chegar nele!
Mas quero aproveitar todos os momentos. Quero sentir e ver todos os detalhes lindos que a viagem está me oferecendo e que, preocupada com o destino, não estou aproveitando.
Quero me permitir mais para que, quando eu chegue no meu destino eu possa dizer, com toda certeza, que não desperdicei nenhum quilometro sequer...

quarta-feira, 29 de julho de 2015

Reciclando vida

Cada pessoa é única. Cada pessoa tem suas vivências, suas experiências e os significados que são dados são pessoalíssimos.
Com base em tudo isso, nessas vivências e nesses significados, formamos nosso pacote de crenças e nossos valores...
A grande mágica da vida está justamente no fato de que as coisas não "são assim", acredito fielmente que elas "estão assim". Por um motivo ou por outro, tudo pode ser mudado e cabe a nós buscarmos estar rodeados de tudo aquilo que possa nos possibilitar crescimento e nos trazer alegrias.
Buscando crescer a cada dia, me certifico de carregar comigo apenas aquilo que realmente é essencial. É um exercício diário, que requer atenção, determinação... mas é possível e os resultados são muito alinhados com o que acredito ser importante pra mim neste momento.
Tenho ficado cada dia mais exigente. Seja com o estilo de roupa que visto, com o que estou comendo... e principalmente, com as pessoas que estão ao meu redor.
Estou aprendendo a separar as pessoas por grau de intimidade, fazendo de certa forma um pequeno nivelamento.
Para isso, estou reciclando, renovando e até podemos dizer que remanejando a posição de cada um, colocando tudo no seu devido lugar.
Discordo, e muito, da frase que diz que "os opostos se atraem." Pra mim, é de extrema importância estar entre pessoas cujos valores andem de mãos dadas com os meus. Pessoas com quem há respeito, reciprocidade e forma de ver a vida.
Diversidade é importante, sem sombra de dúvidas, mas ter ao seu lado pessoas com a mesma visão de vida que você, é sensacional!
Uma vez, em um curso, ouvi que "relacionamento é um rapport de valores". Gostei e aderi!

Então é isso! Me dou o direito de mudar quem eu sou sempre que ficar pequena em mim mesma!

Estabelecer suas prioridades e concentrar-se nos objetivos e ter pessoas dispostas a lutar pelo mesmo ideal de vida que você. Isso talvez lhe dê as forças que precisa pra encarar qualquer tempestade que surja no caminho.


segunda-feira, 8 de junho de 2015

Poção Mágica!

Preciso dividir uma coisa com vocês.
Uma amiga me apresentou uma poção mágica! Eu estou tão feliz com ela que preciso contar esse segredo pra vocês!

As reações dessa poção mágica são muito legais. Se eu soubesse desses efeitos antes, já teria tomado, com certeza!
Um dos principais efeitos dela é fazer com que as pessoas deixem o passado lá onde ele está, e tragam pro presente apenas as boas experiências e tudo que nos desperta sentimento de felicidade e determinação. É um tipo de amnésia seletiva, sabe?

Esse efeito dura por volta de 30 dias. Não sei o motivo real dessa duração... talvez 30 dias seja um tempo adequado para que novas memórias se formem e com isso uma nova forma de encarar a vida.
Essa poção tem o poder de fazer a pessoa se apaixonar. E faz com que apenas uma pessoa possa dar o carinho que a pessoa que tomou quer e precisa. 
Não sei vocês, mas eu estou achando o máximo!!

Essa minha amiga me contou que uma das principais reações dessa poção, é que ela ajuda a ter paciência.
Talvez por isso que o efeito dela dure 30 dias.
Tomando essa poção, conseguimos entender melhor que as coisas não acontecem do dia pra noite. Que as coisas tem que ir acontecendo no tempo delas. O composto que dá paciência é um dos mais potentes na fórmula.
Mas tão forte quanto o composto que dá paciência, é o composto que dá coragem.
Ele faz com que a pessoa que tomou a poção, tenha coragem pra encarar a vida com novos olhos. E não tenha medo do resultados de suas ações. A pessoa que toma a poção perde completamente o medo de encarar as mudanças da vida.
Dizem que a pessoa fica tão segura quando toma essa poção, que tudo sempre dá certo pra ela.

Quanto a visão... nossa! Nem se fala!
Todos que tomaram essa poção até hoje disseram que passaram a enxergar as oportunidades da vida com mais clareza.

Minha amiga já tomou essa poção... e ela disse que o o amor (esse sentimento tão bom que norteia nossa vida), aflora muito.
E que também ajuda a pessoa a ter auto-estima e segurança a ponto de ter certeza de que não importam as dificuldades que se esteja passando... tudo vai ser superado.
Vocês não estão achando o máximo?

Como o efeito dura 30 dias, perguntei pra minha amiga se posso tomar novamente quando o efeito estiver acabando. Ela disse que posso sim, mas que o ideal é aproveitar o efeito maravilhoso da poção e agir de forma que em breve ela se torne desnecessária, pois tudo estará exatamente como se sonhou.
Embora a poção seja muito legal, não dá pra ficar dependente dela o resto da vida né? Acredito que com o tempo podemos acostumar com ela e os efeitos talvez não sejam tão satisfatórios...

Ela me deu dois frascos.
Eu pensei seriamente em tomar os dois frascos sozinha. Mas como quero muito dividir os efeitos dela com outra pessoa, guardei um frasco.

Mas agora vem a grande mágica! Para essa poção funcionar, você precisa, antes de mais nada, acreditar nela.
Acreditar que toda a memória poderá te trazer aprendizado. Acreditar que terá paciência e confiar na certeza de que tudo dará certo. Acreditar que tem força suficiente pra superar qualquer obstáculo e que não tem motivos pra temer mudanças.
Precisa acreditar no amor. Ahhhhh o amor!
Esse componente nem tem na fórmula! Não precisa!
O que faz o amor aflorar é justamente os outros componentes.

Se você estivesse com uma poção dessas na sua frente, o que te impediria de tomá-la?


segunda-feira, 9 de fevereiro de 2015

Egoísmo X Amor-Próprio

Então chega aquele dia em que tu passa a observar o mundo ao seu redor como se fosse um filme e você fosse o expectador.
Você já não se sente inserida naquele contexto. 
O que antes era a sua vida, perde o sentido.
E você passa a gostar disso. 
Conhecer a si mesmo, rever suas prioridades, valorizar aquilo que te faz bem... Não existe sensação melhor.
De tudo que aprendi nos últimos tempos,  sentir prazer em estar comigo mesma (de verdade, não apenas pra mostrar pros outros como muitos fazem) é o que realmente significa mudança de vida pra mim.
Hoje não me sinto na obrigação de fazer coisas apenas para agradar a maioria ou porque todos estão fazendo.
O compromisso é comigo! O resto eu vejo depois...
Quando você percebe que você é a pessoa mais importante do mundo, as coisas passam a ter mais cor... Todos os dias passam a ser os últimos, você tem o compromisso de se fazer feliz e traz as rédeas disso para suas mãos.
Não posso julgar as pessoas que não pensam assim ou que tem comportamentos diferentes. 
Não sou melhor do que ninguém, não sou dona da verdade e não possuo o dom de definir o que é certo e errado no mundo.
Mas posso definir aquilo que não me agrada, aquilo que não me faz bem. 
E, simplesmente sabendo isso, já tenho ferramentas suficientes para afastar isso de mim e tornar minha vida mais leve.
Já fui taxada de chata várias vezes por pensar assim...
Peço desculpas por dizer que não me importa... Não obrigo ninguém a ficar perto de mim, e também não vou mudar minha forma de viver para agradar os incomodados.
Eu sei onde estive... e não quero voltar pra lá!

Muitos poderão chamar de egoísmo... eu prefiro chamar de amor-próprio!




Fui ser feliz. E não volto...


segunda-feira, 29 de dezembro de 2014

Revendo e Prometendo

Ultimas horas de 2014 e mesmo que seja involuntário acabamos fazendo um balanço de tudo que vivemos.

Foi um ano divisor na minha vida. Considero que ele tenha sido uma ponte entre tudo que já vivi e o resto da minha vida.
Termino o ano feliz com o resultado.
Me livrei de bolas de ferro que eu acreditava me prenderem no lugar... Entrei em uma depressão que eu acreditei que fosse acabar comigo... Mas quando não existia nenhum lugar abaixo de mim onde eu pudesse ir, só me restou uma opção. Sair do buraco.
E foi o que aconteceu.
Claro que tive uma ajuda grandiosa que não cabe aqui comentar, mas nada teria sido possível se eu não estivesse disposta a me permitir, de coração e mente abertos, viver de forma diferente.

Fiz novas amizades, conheci lugares dentro de mim que jamais imaginei que existissem... mas o mais importante: conheci a mim mesma e hoje não tenho medo de ser realmente quem eu sou.
Me nego a usar todos os dias a pesada armadura que eu vestia e que me cansava tanto por ter que carregá-la.
Larguei a espada e agora luto com outras armas. Meu sorriso é a mais poderosa delas.

2014 acaba e abre a porta para 365 novas oportunidades que nascem na nossa frente.
2015 é um livro com todas as folhas em branco, aguardando pra ter uma bela história escrita. E terá!


Para tanto, faço aqui as minhas promessas básicas de final de ano.

- Prometo dizer não todas as vezes que eu quiser efetivamente dizer não. Isso é um grande economizador de vida;
- Prometo nunca desistir de ir atrás de tudo que eu sonhar. Impossível é uma palavra que ainda aguarda tradução;
- Prometo não delegar a responsabilidade da minha felicidade a ninguém além de mim. Apenas eu posso ser responsável por ela;
- Se o resultado de minhas ações me desagradar, prometo não reclamar. Não posso achar ruim a bagunça feita pelo vento se eu abri a janela;
- Prometo não beber menos. Nem beber mais. Prometo beber e brindar a vida sempre que eu achar conveniente, apenas com senso de responsabilidade zelando pela minha vida e pela vida dos outros;
- Prometo não me esforçar para manter amizades que não fazem por merecer serem mantidas;
- Prometo não prometer me matricular na academia. Prometo não prometer me exercitar. Prometo não prometer me preocupar com minha alimentação e nem prometo me livrar dos quilinhos que eu julgo ter excedentes. Essas coisas precisam ser hábitos de uma vida e não promessas de um ano apenas;
- Prometo ser sincera e viver de acordo com o que realmente sou;
- Prometo amar. Amar intensamente. Com a máxima força que eu puder;
- E por fim, mas não menos importante, prometo a cada dia tomar maior consciência da brevidade da vida, e com isso valorizar cada segundo, pois ele é único e precioso e não pode ser desperdiçado.

"Quem mata o tempo não é assassino. É suicida."


Ah, olha só... a imagem não está errada não... Só foi colocada pra lembrar que o tempo passa rápido e que quando você se der conta, 2015 terá acabado...